CARREGANDO...

SOBRE O SEMINÁRIO

Nos próximos dias 14 e 15 de julho de 2022, o Conselho Federal de Serviço Social e a Associação Brasileira de Ensino e Pesquisa em Serviço Social (ABEPSS) realizarão o Seminário Latino-americano com o tema Serviço Social, Povos Indígenas e Direitos Humanos.

O evento ocorrerá na modalidade on-line, com inscrições gratuitas e emitirá certificação de participante (12h), que poderá acompanhar pelos canais do YouTube do CFESS e da ABEPSS em português e espanhol, para abrigar ainda um público internacional.

A programação abordará temas como a luta pela terra dos povos originários na América Latina, Caribe e Brasil em tempos de neoconservadorismo; políticas sociais e movimentos indígenas; a formação e o trabalho profissional de assistentes sociais com os povos indígenas. Nomes nacionais e internacionais do Serviço Social, além de representantes e líderes indígenas, já confirmaram presença nas mesas de debates.

Povos indígenas: um tema urgente no Serviço Social latino-americano e caribenho

De acordo com um levantamento populacional da Comissão Econômica para a América Latina e Caribe (Cepal), publicado em 2014, estimava-se que a população indígena e povos originários na região girava em torno de 45 milhões de pessoas. Isso representaria 8,5% da população de toda a América Latina.

São mais de 800 povos diferentes, que se distribuem desde o norte do México até a Patagônia. Segundo o Fundo para o Desenvolvimento dos Povos Indígenas da América Latina e o Caribe (FILAC), na região latino-americana são faladas 500 línguas indígenas.

Esses povos, ao longo de séculos de colonização europeia, e, posteriormente, de projetos neoliberais, seguem resistindo às tentativas de extermínios em massa e lutando por seus territórios, alvos de devastações e destruições para extração de recursos naturais.

O relatório da Cepal de 2014 apontava avanços (pontuais e parcos) em relação aos acessos a políticas sociais, demarcação e proteção de territórios, entre outros, mas a verdade é que o cenário em 2022 é alarmante.

A crise política, social econômica e sanitária da Covid-19 e a onda neoconservadora que atingiu os países da América Latina e Caribe nos últimos anos têm aprofundado os problemas seculares enfrentados pelos povos indígenas: insuficiência de políticas sociais (como saúde, assistência social, educação), invasões e expulsões dos territórios, preconceito e extermínio.

Por isso, é fundamental dar visibilidade sobre o tema. O Seminário Latino-americano sobre Serviço Social, Povos Indígenas e Direitos Humanos é uma deliberação do Conjunto CFESS-CRESS e ocorre num momento em que se torna crucial discutir estratégias de resistência junto a esses povos, respeitando sua diversidade e cultura.

Além disso, tem o propósito de ampliar o diálogo sobre a formação em Serviço Social para esta pauta, e sobre as possibilidades de intervenção profissional, considerando que já há um significativo percentual de assistentes sociais indígenas de diversas etnias.

O Seminário contará com a presença de representantes das comissões Indígena e de Direitos Humanos da Federação Internacional de Serviço Social (na sigla em espanhol FITS), da Associação Latino-americana de Ensino e Pesquisa em Serviço Social (na sigla em espanhol Alaeits), além de representantes e lideranças indígenas.

Participe do Seminário, venha conosco levantar a bandeira Wiphala, um símbolo de união andina, fortalecer nossas raízes latino-americanas e caribenhas e formular estratégias para defesa dos direitos humanos dos povos indígenas.

Orientações sobre o evento
Horário de Brasília (GMT-3)

O Seminário é gratuito e aberto ao público. Ao final, haverá certificação para quem tiver feito inscrição.

As palestras serão transmitidas no Youtube, nos canais do CFESS e ABEPSS, respectivamente em português e em espanhol.

O evento ocorrerá em três turnos:

  • 14/7 (quinta) – noturno – a partir das 18h30
  • 15/7 (sexta) – manhã – a partir das 9h
  • 15/7 (sexta) – tarde – a partir das 14h

Atenção, o certificado será emitido somente para quem se inscreveu no evento.
A emissão deve ser feita pelo próprio inscrito, na área do/a participante.

Orientações sobre o certificado:

1 - Atenção, o certificado será emitido somente para quem se inscreveu no evento (se não se inscreveu ainda, vá para a seção Inscrições).

2 - A emissão deve ser feita pelo próprio/a inscrito/a, na área do/a participante. Para acessar, utilize seu e-mail e senha cadastrados.

3 - Será emitido UM CERTIFICADO para todo o evento, somando 12 horas.

4 - Qualquer problema na emissão, entre em contato pelo e-mail seminario@cfess.org.br ou lele.lac2@gmail.com.

Faça sua inscrição Acessar Área do participante